TU




domingo, 20 de abril de 2008
Quando te encontrei disse Tu
E tu me olhaste em silêncio
Então nada disse e te contemplei
E entre um sorriso maravilhoso me disseste Tu
E nos encontramos
E o mundo parou
A vida seguiu
E o amor renasceu...

2 comentários:

J . on: 24 de abril de 2008 16:14 disse...

Muito bom. Me impressiono com essa força que as pessoas têm com as palavras, essa habilidade... Fico sempre muito feliz em descobrir verdadeiros artistas que transformam o cotidiano em arte, em poesia.

Parabéns!

Gostaria que lesse os meus poemas também, escrevo num estilo um tanto quanto diferente do seu. Digamos que sou mais contemporâneo, bom, aguarde retorno, enquanto isso continuarei a ler o que escrever. Parece ser muito bom!

Grande abraço.

André on: 2 de abril de 2009 19:37 disse...

Adorei!

 

Pesquisar este blog

Barra de vídeo

Loading...

Copyright © 2015 • Poemas ao vento
Blogger Templates