Oferta




quinta-feira, 8 de abril de 2010

Sou todo teu.

Esta é minha sublime oferta: Sou todo teu.

Rogo-te, nao recuses: Sou todo teu.

Goze do meu oferecimento publico: Sou todo teu.

Inale o perfume do silencioso holocausto: Sou todo teu.

Oh, eu te amo tanto: Sou todo teu!

2 comentários:

Fdcc on: 14 de maio de 2010 10:27 disse...

Meu irmão... com este poema é que me sinto neste ano... ano da verdadeira confirmação que no dia 29 de Dezembro de 2004 fiz a Deus... que sou realmente Dele.

martaluzgonçalves on: 23 de julho de 2010 09:42 disse...

Ai sim!
como me agrada dizer:
Sou todo teu
Senhor!
É delicia que me afaga
me embriaga meus dias...

 

Pesquisar este blog

Barra de vídeo

Loading...

Copyright © 2015 • Poemas ao vento
Blogger Templates